Como e quando fazer cirurgias plásticas pós-parto

 In Cuidando do Corpo

Peitos e barrigas flácidas são as maiores queixas das mamães após uma gestação. A dúvida é se o corpo retornará ao normal? Quando será que posso fazer uma cirurgia plástica pós-parto?

Essas são algumas das perguntas que ficam na cabeça das mamães após terem a alegria de passar pelo processo gestacional e o nascimento.

Ansiosas, elas ficam na torcida para que o corpo volte a ser como antes ou quem sabe, fique ainda melhor.

Se durante a gravidez era normal engordar um “pouquinho” por mês, durante a recuperação da silhueta a expectativa de perda de peso é para o mais breve possível, mas na realidade ocorre em um período de 3 a 6 meses, especialmente se há amamentação.

Porém, não é exatamente assim que acontece com todas as mulheres, para a maioria, o processo pode ser um pouco mais lento.

Mas, como diz o ditado, “a pressa é inimiga da perfeição” e logo após o parto as plásticas não são recomendadas, já que nessa fase o corpo passa por importantes transformações hormonais e adaptações orgânicas.

É recomenda que a cirurgia seja realizada, no mínimo, entre 8 e 12 meses do nascimento do bebê, e mesmo assim somente se a mulher já estiver num peso próximo ao ideal.

Já que diferente do que muitos imaginam a função da cirurgia plástica não é emagrecer, mas proporcionar maior harmonia estética e bem-estar.

No pós-parto, o procedimento mais procurado pelas mamães é a correção da mama, que por causa do grande aumento e diminuição de tamanho em pouco tempo, pode apresentar flacidez.

Outra coisa que incomoda essas mulheres é a incômoda sensação de “queda”, que pode ser corrigida. Mas, aquelas que “curtiram” o aumento dos seios por causa da lactação, também podem optar pelo implante de silicone, o que é muito comum.

Porém vale lembrar que só é recomendado fazer plásticas de mama cerca de três meses depois do término da amamentação.

Para quem não conseguiu eliminar as gordurinhas localizadas acumuladas durante a gravidez, elas podem ser eliminadas com a lipoaspiração.

E para eliminar a flacidez, é possível recorrer à abdominoplastia, que fará a remoção do excesso de pele abaixo do umbigo, “esticando” a pele que sobra.

No entanto, para as mamães, o período pós-cirúrgico pode ser mais delicado e difícil, pois serão necessários repouso e cuidados especiais, como drenagem linfática, e no caso da cirurgia de mama, ficar sem levantar peso de 6 a 8 semanas.

Com tantas coisas boas acontecendo na sua vida com a chegada de um bebê nem sempre dá para fazer a cirurgia plástica tão desejada de imediato.

Mas é possível ir se programando, conversando com um médico cirurgião de sua confiança para definir as possibilidades e definir qual a melhor época para estar realizando o procedimento.

Para que tudo saia conforme o sonhado é sempre importante escolher um bom cirurgião plástico, que seja registrado no Conselho Regional de Medicina CREMESP para quem é do Estado de São Paulo e se é Membro da Sociedade Brasileira de Medicina e Cirurgia Plástica Estética – SBMCPE, além de ter uma ampla experiência.

Lembrando que todo procedimento envolve riscos. Por isso consulte sempre um médico qualificado.

Quer saber mais sobre cirurgia plástica pós-parto ou deseja fazer uma avaliação? Entre em contato conosco

Clínica Ronaldo Roesler
Dr. Ronaldo Roesler é um cirurgião plástico brasileiro formado e especialista em cirurgia geral e cirurgia plástica, atua desde 1994. Cirurgião plástico reconhecido, atua em sua clínica em São José dos Campos e atende pacientes de todo o Brasil.
Recent Posts

Start typing and press Enter to search