Exposição ao sol: quais são os seus malefícios para ao seu rosto

 In Sua Saúde

Já é sabido que o sol é indispensável para a vida dos seres humanos, mas sem nenhuma proteção ele pode causar queimaduras, manchas permanentes, provocar o envelhecimento e aumentar o risco de câncer na pele.

Exposição ao sol

Com a chegada do verão aumenta também as atividades ao ar livre como passear no parque, passar o dia na piscina ou na praia. Apesar de fazer muito bem para o corpo e a mente ele alivia o estresse do dia a dia.

Mas a exposição excessiva do sol também pode causar danos para sua beleza e a saúde.

Apesar de essencial à vida, melhorar o humor, afastar a depressão o sol é fundamental para a produção da vitamina D.

Agora sem proteção adequada o mesmo sol que traz muitos benefícios pode trazer muitos malefícios à sua pele, em especial no rosto que fica em maior exposição

Por que o sol traz prejuízos

Os danos causados pela exposição ao sol são causados pela radiação ultravioleta, especialmente os raios UVA e UVB. Que são responsáveis por causar alterações no material genético da célula, causando assim danos ao DNA.

Todo esse dano é causado sem que a pessoa perceba, já que a radiação penetra profundamente na pele e não causa dores ou incômodos.

Sendo assim, uma pessoa fica exposto aos seus efeitos sem perceber.

Danos da exposição ao sol ao rosto

O rosto é uma das partes do corpo que mais sofre com os danos da exposição solar, por estar sempre descoberto.

Agora conheça os principais efeitos prejudiciais pela exposição solar no rosto:

 

1# Queimadura solar

As queimaduras são os danos mais comuns causados pela exposição desprotegida ao sol. E tem como caraterísticas vermelhidão, ardência e bolhas, podendo ser acompanhadas de infecções em casos mais graves.

Essas queimaduras são causadas pelos raios UVB, que também é responsável pelo bronzeamento da pele, que tem maior intensidade entre as 10 e as 16 no período da primavera e verão.

 

2# Melasma ou manchas na pele

As manchas na pele são causadas pela exposição ao sol, esses problemas surgem devido à hiperestimulação da produção de melanina, pigmento que dá cor à pele.

Essas manchas são chamadas de melasma, apesar de comum afetam principalmente as mulheres grávidas.

 

3# Melanose senil

A melanose senil são manchas com cor marrom-acastanhada que atingem as pessoas mais idosas. Geralmente são pequenas manchas que atingem áreas como o rosto, o colo e o dorso das mãos e que estão mais sujeitas à exposição ao sol.

Seu surgimento acontece em resultado dos danos causados pela radiação solar durante a vida, fazendo com que haja aumento da produção de melanina em certas regiões.

 

4# Queratose actínica

A querotose actínica também conhecida como ceratose actínica é uma lesão ou feridinha avermelhada e áspera que aparece em geral no rosto, lábios, orelhas, couro cabeludo e no dorso das mãos e são muito comuns em pessoas mais velhas e com pele clara.

Essas lesões são neoplasia benigna da pele, apesar de não se tratar de um câncer de pele, elas podem se transformar em câncer se não forem tratadas. E sua presença em vários pontos é um indicativo de exposição desprotegida ao sol e com maior risco de se transformar em maligna.

 

5# Irritações e alergias

A luz solar em contato com alguns produtos podem se tornar irritantes para a pele, fazendo com que haja reações inflamatórias e alérgicas. Como em cosméticos, maquiagens, medicamentos de uso tópico e até algumas frutas e plantas.

O limão é um exemplo comum de manchas e queimaduras causadas pela associação entre suco de limão e exposição ao sol, e esses danos podem ser permanentes.

 

6# Ressecamento da pele

Em dias de calor e a exposição prolongada e desprotegida da pele aos raios solares contribui para a perda de água da pele deixando assim a pele mais ressecada.

Por essas condições à pele do rosto fica mais áspera, com sensação de repuxamento o que faz que o se torne mais sensível a irritações e alergias

Com isso, o rosto pode ficar mais áspero, dar a sensação de repuxamento, descamar e se tornar mais suscetível a irritações e alergias.

 

7# Câncer de pele

Os danos causados no DNA pela exposição excessiva ao sol podem levar a prejuízos muitos mais grave como o câncer de pele.

Entre todos os tipos de câncer de pele o Carcinoma basocelular é o menos grave e o mais frequente. E costumam aparecer nas partes que mais recebem sol, como rosto, pescoço e orelhas.

O câncer de pele afeta principalmente as pessoas de pele, olhos e cabelos claros e principalmente o risco é aumentado quando tem histórico familiar dessa doença. No entanto, a pessoa com pele mais escura não estão livre desse mal.

E uma forma de evitar que essa doença apareça é evitando a exposição prolongada, principalmente nos horários de maior intensidade, e usar o protetor solar com no mínimo 30 FPS todos os dias.

Como você deve ter percebido é muito importante se proteger de forma adequada dos raios solares. Que cuidados você costuma tomar para se proteger desses malefícios? Compartilhe conosco nos comentário!

Quer saber mais como se manter mais jovem por mais tempo, agende uma consulta com o cirurgião plástico Dr. Ronaldo Roesler e conheça todos os nossos procedimentos. Entre em contato.

Clínica Ronaldo Roesler
Dr. Ronaldo Roesler é um cirurgião plástico brasileiro formado e especialista em cirurgia geral e cirurgia plástica, atua desde 1994. Cirurgião plástico reconhecido, atua em sua clínica em São José dos Campos e atende pacientes de todo o Brasil.
Recent Posts

Leave a Comment

fourteen + twelve =

Start typing and press Enter to search