Orelha de abano: como acabar com ela

 In Dicas

A Orelha de abano é uma das deformidade mais comum da orelha, a qual apresenta sua borda lateral mais distanciada da cabeça, aparentando ser maior.

A orelha mais aberta é resultado de uma malformação que promove uma rotação do chamado pavilhão auricular e o apagamento da anti-hélice (dobra interna da orelha). Assim, a borda lateral fica mais distante da cabeça, dando o efeito de orelha de abano.

Seja pela saúde física ou psicológica, a orelha de abano é indesejada e ainda pode causar transtornos de ordem emocional e prejudicar o desenvolvimento da autoconfiança e da autoestima tanto da criança como do adulto.

E felizmente esse problema pode ser corrigido com um procedimento cirúrgico assim que as cartilagens já estejam formadas que ocorrem a partir do sexto ano de vida.

É uma cirurgia que irá corrigir para sempre o formato das orelhas e acabar de vez com desconforto emocional e deixa-las de forma natural.

Orelha de abano

A orelha fica mais saltada e dá um efeito desarmônico em relação ao rosto da pessoa ela não representa nenhum problema de saúde.

Podemos encontrar diferentes graus de orelha de abano. Há casos que é possível disfarçar com os cabelos e outros que já ficam bem evidentes.

Otoplastia

A otoplastia é a cirurgia plástica que visa corrigir as alterações que deixam a orelha mais saltada, assimetrias de forma ou problemas de angulação.

No caso da orelha de abano, a cirurgia irá construir a dobra anti-hélice e diminui a distância entre a face posterior da orelha e o couro cabeludo.

A cirurgia costuma ser feita com uma incisão atrás da orelha que acompanha a dobra natural da pele. É retirada o excesso de pele e faz o ligamento da cartilagem, de maneira a deixa-la mais maleável e termina com pontos para manter o novo formato.

A cirurgia para correção também pode ser feita em adultos que não se sentem confortáveis com a aparência e não tiveram oportunidade de fazê-la na infância.

Como é realizada a otoplastia?

A duração do procedimento cirúrgico tem duração aproximada de uma hora. No entanto, o paciente ficará internado de 6 a 12 horas e, em geral, receberá alta hospitalar no mesmo dia ou no dia seguinte à cirurgia.

A cirurgia é realizada com anestesia local com sedação em adultos e jovens. Já nas crianças pequenas é utilizada a anestesia geral (como em toda cirurgia infantil).

Pós-operatório e recuperação da otoplastia

Na maior parte dos casos, o pós-operatório da cirurgia de orelha de abano é bem tranquila e é pouco dolorosa e com rápida recuperação.

Contudo, o pós-operatório exige alguns cuidados com as crianças em relação a sua maturidade, já que será necessário utilizar uma proteção envolvendo toda a cabeça com faixas nas primeiras 48 horas. O banho completo só é permitido depois da retirada da faixa de proteção.

Depois desse tempo é recomendado o uso de tiaras de malha por 30 dias para evitar traumas no local, principalmente na hora de dormir. E por algumas semanas, ainda será indicado não dormir de lado para não machucar o local operado.

Para as crianças é aconselhado realizar a cirurgia durante as férias escolares, assim elas têm tempo para se recuperar da cirurgia e voltar às aulas sem curativos.

No entanto, as atividades escolares e profissionais podem ser retomadas dois dias depois da cirurgia. Mas com alguns cuidados como evitar o sol, frio e traumas na região pelo menos durante 30 dias. Por isso, algumas atividades deverão ser deixar por algum tempo.

Os pontos podem ser retirados de 7 a 10 dias depois da cirurgia.

A otoplastia pode deixar cicatriz?

A otoplastia como toda cirurgia, também deixa cicatriz. No entanto é bem discreta, pois ela fica no sulco formado entre a orelha e o crânio, o que torna a cicatriz pouco visível.

Quando podemos ver os resultados da otoplastia?

Os resultados já são vistos quando o curativo é retirado. O resultado definitivo, porém, só podem ser avaliados depois de três meses, quando não há mais edema e os tecidos já estiverem totalmente acomodados em suas novas posições.

É comum que o paciente note uma leve assimetria entre as orelhas, já que todos nós temos algum tipo de assimetria entre o lado direito e esquerdo do corpo. No entanto, essa assimetria, não compromete a harmonia da face.

Quando todos os cuidados do pós-operatório são seguidos à risca, o resultado é definitivo.

Clínica Ronaldo Roesler
Dr. Ronaldo Roesler é um cirurgião plástico brasileiro formado e especialista em cirurgia geral e cirurgia plástica, atua desde 1994. Cirurgião plástico reconhecido, atua em sua clínica em São José dos Campos e atende pacientes de todo o Brasil.
Recent Posts

Leave a Comment

one + 1 =

Start typing and press Enter to search